Thumbnail Image

Compartir responsabilidades para empoderar a los consumidores















Related items

Showing items related by metadata.

  • Thumbnail Image
    Brochure, flyer, fact-sheet
    Capacitar os consumidores para efetuar escolhas alimentares saudáveis, apoiando os sistemas alimentares sustentáveis 2019
    A alimentação é pessoal - reflete nosso contexto cultural, estilo de vida, valores e poder de compra. A alimentação além de ser essencial para a sobrevivência, é também um dos principais determinantes da boa saúde e do bem-estar. Hoje, neste mundo globalizado a urbanizar-se rapidamente, o que comemos está mudando. A transformação e complexidades cada vez maiores dos sistemas alimentares tendem a criar incertezas e preocupações em nós consumidores. É crucial que tanto os representantes da sociedade civil, bem como os governos, reflitam sobre como interagir com os consumidores para “desmistificar” o sistema alimentar global, para que entendam as visões e preocupações dos consumidores e forneçam informações confiáveis para orientar as escolhas alimentares saudáveis e seguras, bem como criar as condições para um diálogo construtivo e de confiança. Alimentos nocivos e hábitos alimentares não saudáveis, são considerados os principais fatores no ónus global causado por doenças. Nosso comportamento como consumidores pode atenuar ou exacerbar os riscos de dietas insálubres. Consumidores informados estão dispostos a consumir alimentos mais nutritivos, desde que estejam acessíveis e disponíveis, mas houve menos sucesso em convencer os consumidores a evitarem alimentos não saudáveis. Governos, grupos da sociedade civil e membros progressistas da indústria alimentar têm todos interesse em influenciar as escolhas dos consumidores para otimizar a saúde. Os consumidores têm o poder de alavancar essa mudança. Para um número cada vez maior de pessoas as escolhas alimentares são importantes não apenas pela própia saúde, mas também pela saúde das gerações futuras e do planeta, incluindo também o impacto nas mudanças climáticas. Ao transformar esse interesse coletivo em ação, mais consumidores terão o poder e a capacidade de escolher alimentos bons para a saúde e o bem-estar e positivos para o planeta em que vivemos. A revolução das ferramentas de informação dos últimos anos, fizeram com que a Internet e as mídias sociais se tornassem importantes fontes de informação, mas também de desinformação. As ferramentas tradicionais usadas para informar consumidores sobre alimentos e riscos - como os rótulos, folhetos, rádio, programas de TV, seminários - podem ser complementadas com as novas ferramentas de comunicação, que também permitem o diálogo e o engajamento do consumidor, aumentam a transparência e a responsabilidade, além de facilitar o aprendizado e a mudança de comportamento. Como consumidores, ter confiança nas autoridades reguladoras e na gestão dos sistemas alimentares é hoje mais importante do que nunca, levando-se em conta as inovações no horizonte e os desafios de sustentabilidade que se avizinham.
  • Thumbnail Image
  • Thumbnail Image
    Brochure, flyer, fact-sheet
    Facultar a los consumidores para que puedan elegir alimentos saludables y dar apoyo a sistemas alimentarios sostenibles 2018
    La alimentación es personal: es un reflejo de nuestro entorno cultural, estilo de vida, valores y poder adquisitivo. La alimentación es fundamental para nuestra supervivencia: determina en gran parte nuestra salud y bienestar. En un mundo globalizado y en rápido proceso de urbanización como el de hoy, nuestra alimentación está cambiando. Los sistemas alimentarios se encuentran en constante cambio y son cada vez más complejos, lo que genera en muchos casos incertidumbre y preocupación entre nosotros, en nuestra calidad de consumidores. Resulta fundamental que los representantes de la sociedad civil y los gobiernos reflexionen sobre la manera en que deben relacionarse con los consumidores para “desmitificar” el sistema alimentario mundial; sobre cómo conocer las opiniones y preocupaciones de los consumidores, proporcionar información fiable para orientar la elección de alimentos saludables e inocuos y crear las condiciones para permitir un diálogo constructivo y fomentar la confianza. Se considera que los alimentos nocivos y las opciones alimentarias poco saludables son los principales factores que contribuyen a la carga mundial de morbilidad. Nuestro comportamiento como consumidores puede mitigar o agravar los riesgos de las dietas poco saludables. Los consumidores informados están dispuestos a aumentar el consumo de alimentos nutritivos siempre y cuando estos sean asequibles y estén disponibles, aunque no resulta tan fácil convencer a los consumidores para que se abstengan de comer alimentos nocivos. Los gobiernos, los grupos de la sociedad civil y elementos avanzados de la industria alimentaria comparten un interés común en influir en las opciones de los consumidores, con el fin de optimizar el estado de salud.

Users also downloaded

Showing related downloaded files

No results found.